quinta-feira, 18 de março de 2010

lugares e curiosidades

Hoje eu estava olhando para um mapa mundial e percebi que, tirando a minha viagem para Brasília, eu nunca foi para um lugar realmente longe da costa. Então eu olhei pro mapa a procura de lugares longe do mar pra onde eu gostaria de ir, porque me dei conta de que, a maioria dos lugares que tenho vontade de visitar são próximos de algum oceano.


Então aqui vai um TOP 10 das minhas opções:
Amazônia
Dallas, Texas, USA
Madrid, Espanha
Munique/Frankfurt, Alemanha
Nigeria
Nova Delhi, Índia
Moscou, Rússia
Riyadh, Arábia Saudita
Cusco, Peru
Chihuahua. México
Moldavia
Por quê?
Amazônia: Acho que nem preciso responder, né? Como amante da natureza, queria ver essa riqueza antes que ela se acabe.
Dallas: Não sei, sempre tive vontade de conhecer o Texas, cowboys, deserto, cactus e desbravar as longas estradas no meio do nada num Mustang azul conversível. Deve ser legal, é um lugar totalmente diferente e que está lá, firme e forte na cultura que, na minha opinião, mais se realça no país.
Madrid: Penso em Madrid e lembro de touradas e da arquitetura em estilo, obviamente, europeu. Mas também podemos lembrar do Real Madrid e futebol, para os amantes e intendentes do assunto.
Alemanha: Não um lugar, mas vários! Acho lindo e superinteressante, gostaria de saber a história da minha família de quem viveu lá, onde e quando e porque veio pro Brasil (se alguém tem informações, me mande, pro favor!). Adoro a arquitetura e cultura alemã.
Eu acho interessante é que as cidades européias têm aquela mistura de cultura e passado, futuro e técnologia.
Nigeria: Sempre tive curiosidade pela África, mas não sou amante do continente e nem sei muito sobre os países lá. Na minha ignorância imagino que sejam todos muito parecidos em cultura, costumes e arquitetura. Nigéria é sempre um dos primeiros nomes que me vem na cabeça quando penso na Áfica, provavelmente por causa de futebol.
Nova Delhi: Vamos para as Índias! Deve ser super legal, elefantes, comidas apimentadas, roupas coloridas. Bom, tivemos a demonstração no Brasil há uns meses atrás na novela das oito que passa as nove. Eu não cheguei a saber do final da novela, se a Maya ficou com o Marcio Garcia ou o Raj.
É bom conhecer um pouco dessas coisas, esses pequenos detalhes da vida dessas pessoas com costumes tão diferentes dos nossos. Valeu Rede Globo!! Já o SBT nos ajuda a conhecer a cultura Mexicana, valeu SBT! o/ (Minha mãe foi pra Índia e voltou com miniaturas de elefantes, bolsas, adereços de colar na testa, um anel de pato que ela usa até hoje no dedão, mas que supostamente era pra ser pra mim e tecidos).
Moscou: Bom, nunca vou esquecer da matéria que lina Zero Hora um dia, falando sobre um Gaúcho pobre coitado que estava na boa lá por Moscou, tomando o seu chimas num domingo a tarde, como o traditional nas grandes cidades do Rio Grande do Sul, e foi surpreendido por policiais perguntando para ele que erva era aquela. Bom, o cara teve o maior trabalho pra se explicar e provar que aquilo era normal, que não era ruim nem nada. Hahaha. La tem aquela especie de castelo que pra mim parece uma mistura de marshmallow gigante com castelo do Aladin. Mas que na verdade é uma catedral do século 16. St. Vasili’s Cathedral.
Arábia Saudita: Esse lugar deve ser o máximo, ainda mais pra passar de avião por cima do deserto. Burcas, tempestades de areia e religião. Eu tenho que começar a ler os livros da minha irmã.
Peru: não sei porque, mas sempre tive vontade de ir pra lá. Lhamas, Íncas e Machu Pichu. Eu lembro que minha professora de história do terceiro ano tinha ido pra lá e os guris da turma ficavam fazendo piadinha, comentando o lugar, mas ela não sacava as tiradas deles. Tadinha. Minha mãe também foi pra lá, e de lá nós tinhamos mochilas, lhamas em miniatura, casacos de lã e acho que uns negocinhos de argila que tinhamos de infeite também vinha de lá, agora não tenho certeza, eu era muito pequena. Mas também temos fotos no mural da sala/cozinha.
Chihuahua: É um lugar com muita natureza e penhascos, arquitetura antiga e eles têm lá umas cavernas com cristais, é uma das cidades mais importantes do México.
Moldavia: País que nem estava no meu dicionário antes de eu vir para os Estados Unidos. A ex-Au Pair dessa família é de lá. A Moldavia é um país pequeno próximo à Russia com cultura Eslava e Latina! Quem diria? Não tem invernos muito pesados mas verões bem quentes, fazendo os turistas gaúchos se sentirem em casa, se não fosse pela língua nada entendível. A mãe da Mari ligou pro meu telefone umas vezes depois que ela saiu daqui de casa e foi pra casa do namorado (a Mari, não a mãe), tentei falar em inglês, português e espanhol com a mulher, mas não adiantou, ela só conseguiu falar não sei o que na língua dela, que se chama língua ‘Moldavia’ ou ‘Romeno’. E hoje tenho curiosidade de conhecer esse lugar.

 
Boa Viagem!

6 comentários:

Caroline disse...

Adorei!! Seus roteiros. Posso ir junto?? hahaha

Jk Bueno disse...

Tb qro!!! rs

Bjussssss

Anônimo disse...

Simmm, gostei.

Mas não, os países da àfrica tem cultura totalmente diferentes. É um continente gigantesco, com influencias de povos diferentes e com milhares de idiomas!!!

Sim, por favor, leia os meus livros! Eles são mt bons!!!

paula disse...

É, como eu disse, nao sei nada sobre a africa... mas ja assisti a massai branca
hahaha
\o/

vamo embora entao galera!!

Érica disse...

huahsuhsa, seu roteiro é muito parecido com o meu!

;D

Beiijos

dri .: disse...

ADOREEI seu post super cultura!
Poxa, como sua mãe é "viajada"! Muitoo bom issso!

E adorei seus pensamentos.. explicações sobre o porque de kerer conhecer cada lugar.. kkkkkk


Beijos,
ótimo domingo pra você!
=*